Preenchimentos

Preenchimentos

Preenchimentos

Os procedimentos injetáveis suavizam olheiras, aumentam o volume dos lábios e melhoram as marcas que chegam com o tempo, restaurando o volume e criando a sustentação para melhorar a forma e o contorno facial.

Utilizados há mais de 20 anos, preenchedores de ácido hialurônico trazem versatilidade em um tratamento personalizado. Existem diversos tipos de preenchedores com ácido hialurônico que se diferem por suas propriedades físicas, sendo a escolha correta do produto fundamental, O fato dessa substância estar presente naturalmente no nosso organismo permite resultados naturais de forma segura e livre de cicatrizes. O ácido hialurônico age atraindo água para sua molécula produzindo hidratação e preenchimento nas áreas onde foi aplicado.

São diversas aplicações para as substâncias preenchedoras, entre elas:

– Bigode chinês e linhas de marionete;
– Região malar (maças do rosto);
– Contorno da mandíbula e mento;
– Contorno e volume dos lábios;

– Olheira ou sulco naso jugal ou sulco lacrimal: Essa região inicia-se no ponto lacrimal, acompanha a borda da órbita e pode estender-se até a região malar (ou “maçãs” do rosto). Sofre alterações com o processo de envelhecimento, aprofundando-se e é uma das causas de olheiras. Sua presença produz uma impressão de cansaço ou noite mal dormida;

– Suporte e posicionamento das sobrancelhas;

O uso combinado de toxina botulínica com substância preenchedora aperfeiçoa o resultado de elevação do supercílio, pois a perda de volume da região das têmporas influencia na perda do suporte e posicionamento da sobrancelha.

– Orelhas: Lóbulos murchos e envelhecidos podem ser preenchidos com ácido hialurônico.

– Mãos: O envelhecimento das mãos manifesta-se de duas formas: alterações na pele como manchas escuras, pele fina e rugas e a perda de volume, quando as mãos tornam-se esqueletizadas, com vasos e tendões aparentes. Uma ótima alternativa é o Radiesse, um preenchedor constituído de hidroxiapatita de cálcio. É um produto biocompatível e atóxico. A substância é segura, tem boa durabilidade (em torno de 12 meses) e o procedimento é rápido e feito sob anestesia local. As manchas podem ser tratadas com laser terapia e a falta de hidratação com a aplicação de ácido hialurônico não reticulado (hidratação dérmica)